4 de Dezembro de 2021 | Coimbra
PUBLICIDADE

Programa “Sons da Cidade” propõe viagens pelo património

18 de Junho 2021

Começa hoje a oitava edição do ciclo “Sons da Cidade”, evento que propõe viagens diversas ao património classificado de Coimbra, num programa que vai até 26 de junho e que decorre também a 7 de junho.

“Viaje às origens da cidade, à génese da sua história no contexto nacional e europeu. Venha connosco ao Museu Nacional Machado de Castro, onde a cidade romana ainda respira”, convida a organização, que reúne a Associação RUAS – Recriar a Universidade, Alta e Sofia, a Universidade de Coimbra (UC), a Câmara Municipal e a Direção Regional de Cultura do Centro.

Para o vice-reitor da UC para a Cultura, Delfim Leão, “este programa propõe viagens às origens do património classificado”, na Alta e na Baixa, bem como “ao imaginário ligado a esses espaços e a um património que não é tangível”.

O programa inclui concertos, sessões de cinema, conferências, passeios e visitas guiadas, entre outras realizações que celebram a inscrição, em 2013, do conjunto histórico-cultural Universidade de Coimbra, Alta e Sofia na lista do Património Mundial.

O ciclo começa hoje, às 15h00, com uma visita à Igreja de Santa Cruz guiada por Maria de Lurdes Craveiro, diretora do Museu Machado de Castro, para um máximo de 10 participantes.

Para amanhã, às 10h00, está anunciada nova visita, intitulada “De retiro a jardins públicos”, incluindo um percurso pedestre pela antiga Quinta do Mosteiro de Santa Cruz.

A oitava edição de “Sons da Cidade” coincide com a celebração dos 890 anos da fundação do Mosteiro de Santa Cruz e “convida à deambulação por Coimbra, para redescobrir a cidade e o seu património” edificado, natural, literário e musical.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM