28 de Setembro de 2020 | Coimbra
PUBLICIDADE

Covid-19:Penacova aciona Plano de Emergência face ao aumento do número de casos

11 de Setembro 2020

A Câmara Municipal de Penacova decretou o acionamento do Plano Municipal de Emergência e Proteção Civil face ao agravamento da situação epidemiológica provocada pela Covid-19 no concelho, onde se registam já 26 casos positivos.

A autarquia explica que esta decisão foi tomada na reunião da Comissão Municipal de Proteção Civil de Penacova (reduzida), que aprovou, por unanimidade, o acionamento do Plano Municipal de Emergência e Proteção Civil a partir das 20h00 de ontem, 10 de setembro, com a finalidade de garantir uma resposta articulada e coordenada à pandemia.

Adianta ainda que a cooperação institucional e operacionalização é assegurada pelo funcionamento permanente da Comissão Municipal de Proteção Civil e do Serviço Municipal de Proteção Civil.

De acordo com os últimos dados revelados pela autarquia, existem de momento 26 casos ativos, sendo que existem vários testes a aguardar resultado. Nos últimos dias intensificou-se a realização de testes a pessoas que possam ter estado em contacto com os casos ativos, tendo sido efetuados 250 testes através zaragatoa da nasofaringe, dos quais 140 ainda aguardam resultado.

Humberto Oliveira, presidente da autarquia de Penacova, refere que “assim que a Câmara Municipal teve conhecimento dos primeiros casos positivos, foram feitas todas as diligências necessárias para ajudar a identificar eventuais contactos ocorridos, em estreita colaboração com a Delegada de Saúde e Proteção Civil de Penacova”.

O edil afirma ainda que “após os desenvolvimentos que ocorreram, era imperativo tomar medidas que ajudem a prevenção e a mitigação da infeção”. Para o efeito, em conjunto com as entidades competentes e em cumprimento com as recomendações emanadas pela Direção Geral de Saúde e aliadas às recomendações propostas na reunião da Comissão Municipal de Proteção Civil, e de acordo com a Lei de Bases da Proteção Civil, devem ser aplicadas as seguintes medidas:

– Suspensão de todas as atividades desportivas, de competição, de treino ou de lazer;

Adiamento da abertura do Complexo das Piscina Municipais;

Encerramento de todos os parques infantis;

Encerramento de instalações sanitárias públicas;

Suspensão da realização das feiras;

Recomenda-se que os cidadãos não façam deslocações desnecessárias;

– Não devem acontecer aglomerados de pessoas;

Indeferimento de eventos na via pública e recintos improvisados;

– No que respeita às reuniões presenciais nos serviços técnicos municipais ficam condicionadas, devendo ser privilegiado o contacto telefónico e reuniões por videoconferência;

– Nos serviços de restauração e cafés deve-se privilegiar o atendimento no exterior. Não sendo possível devem-se intensificar as medidas de distanciamento social, o uso de máscara, respeitadas as lotações máximas interiores e de esplanadas e afastamento entre mesas;

– Todos os comércios e serviços devem reforçar as medidas de prevenção, segurança e mitigação para travar a propagação do vírus, tal como recomenda a DGS e outras que achem importantes;

Devem ser reforçadas as medidas de prevenção e controlo emanadas pela DGS para as manifestações de culto;

Reforçar a utilização de máscara pela comunidade na via pública;

A autarquia adianta, ainda, que o início da atividade letiva “será avaliada consoante o evoluir da situação em estreita articulação com o Agrupamento de Escolas de Penacova, a Escola Profissional Beira Aguieira, a Autoridade de Saúde Local e o Município”.

A Comissão Municipal de Proteção Civil reunirá permanentemente para avaliar a pertinência das medidas, sendo que poderá haver ajustamentos consoante a evolução do surto no concelho.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM