13 de Julho de 2020 | Coimbra
PUBLICIDADE

Alexandra Vasconcelos analisa vantagens do jejum para a saúde

30 de Junho 2020

Muito se tem discutido sobre os benefícios do jejum intermitente para a saúde. Alexandra Vasconcelos, farmacêutica e terapeuta natural integrativa, defende que esta prática milenar pode ser benéfica não só para a perda de peso mas também para a prevenção de doenças, contribuindo ainda para aumentar a vitalidade e para reduzir a inflamação corporal.

Na sua mais recente obra, “O poder do jejum intermitente”, mostra que esta prática “é uma das novas tendências internacionais no que toca à nutrição, apesar de se basear numa prática milenar”. Trata-se, como esclarece, de “uma forma de perder peso, reduzir a inflamação, prevenir doenças crónicas, nomeadamente oncológicas, autoimunes e cardiovasculares, combater a diabetes e outras disfunções metabólicas”.

Esta obra assume-se como “um guia prático, com dicas e estratégias para aplicar o jejum na sua vida, onde são desfeitos mitos e apresentados estudos científicos que nos falam dos inúmeros benefícios para a nossa saúde”.

O livro inclui ainda planos de jejum e receitas saudáveis. Esclarece ainda dúvidas diversas que se levantam, como a questão da fome, concentração e se faz mal passar muitas horas sem comer. Alexandra Vasconcelos assegura que não vai haver fome, até porque parte das horas são passadas a dormir.

Nesta obra, explica que fazer jejum intermitente consiste, simplesmente, em ficar algumas horas do dia sem comer e manter esta prática regular, associada a uma dieta equilibrada e a um estilo de vida saudável.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM