14 de Agosto de 2022 | Coimbra
PUBLICIDADE

Poiartes e Nossa Senhora das Necessidades unem-se para uma festa de sucesso

5 de Agosto 2022

O tão regresso da Poiartes, em Vila Nova de Poiares, vai acontecer de 11 a 15 de agosto. Música, gastronomia, artesanato, mostra agrícola, industrial e comercial vão animar e proporcionar momentos de diversão e convívio, durante cinco dias, aos milhares de visitantes esperados. Este ano, o certame alia-se às festas em honra da padroeira do concelho, Nossa Senhora das Necessidades, com a perspetiva de ser uma aposta ganha.

O Município de Vila Nova de Poiares regressa com força para mais uma edição da Poiartes, de 11 a 15 de agosto, para divulgar e promover o que de melhor tem o concelho para oferecer. Depois do carácter atípico dos últimos anos, devido à pandemia da covid-19, em que a última edição se realizou apenas com uma mostra de artesanato e de produtos endógenos, o certame regressa com novidades.

“Estamos prontos para voltar agora com a notoriedade de sempre”, garantiu ao “Despertar” o presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Poiares, João Miguel Henriques.

Assim, durante cinco dias Poiares vai reunir gastronomia tradicional, artesanato, caprinicultura e uma mostra comercial, industrial e agrícola, somando cerca de uma centena e meia de expositores. Aqui, os visitantes vão poder conhecer as potencialidades do concelho e desfrutar de um certame que prima pela diversidade e inovação. A Poiartes vai dedi­car, assim, espaço às atividades artesãs que usam o barro preto como matéria-prima das suas criações, como a caçoila de barro preto que ainda se utiliza nos dias de hoje na confeção e apre­sentação da tradicional chanfa­na, que atribuí a Poiares o título de Capital Universal desta iguaria. Além disso, os visitantes vão ter a oportunidade de ver de perto o trabalho de tapeçaria e cestaria e até de experimentarem um pouco desta arte.

A feira vai ainda contemplar os visitantes com os sabores da terra, como o queijo de cabra, enchidos e outros petiscos que fazem as delícias de quem visita a Poiartes.

Poiartes de mãos dadas com o sucesso

Este ano, o certame, que habitualmente se realiza em setembro, coincide com as festas em honra da padroeira do concelho, Nossa Senhora das Necessidades. “Vamos aproveitar que temos muitos emigrantes e poiarenses que regressam agora de férias, sendo uma maneira de usufruírem das nossas festas tradicionais religiosas e também da nossa feira”, adianta o autarca.

O presidente João Miguel Henriques deseja que o certame “recupere a notoriedade conquistada ao longo dos anos”. Com entrada livre na Poiartes, o autarca assume que o facto de não terem entradas controladas, “dificulta a contagem do número exato dos visitantes”.

“A organização dispõe de um sistema de contabilização de entradas e saídas no cer­tame através do qual apu­rámos que na última referência a marca atingiu os 40 mil registos de entradas”, explica o presidente que ambiciona atingir, pelo menos, esse número.

O autarca acredita que a Poiartes vai ser um sucesso, “pois as pessoas estão ansiosas para conviver e se divertir”.

Aliada a uma boa experiência gastronómica, nada melhor do que desfrutar dos pratos regionais poiarenses com boa música e, segundo confirma João Henriques, o cartaz “variado e pensado para todos os gostos e idades”.

“Tivemos a preocupação, dentro das nossas possibilidades orçamentais, de selecionar um conjunto de artistas que agradasse a todos”, reforça o presidente.

Música para todos os gostos e gerações

Assim, este ano, os espetáculos vão acontecer em dois palcos, o Catraia e Poiartes (principal).  No dia da inauguração (11), a partir das 18h00, vai haver ani­mação de rua a cargo da Companhia de Teatro Expe­rimental de Poiares (CTEP). Na música, o destaque vai para a atuação do músico de Amarante, Pedro Fidalgo, mais conhecido como Noble, que vai subir ao palco pelas 23h00. Nesse dia também haverá música proporcionada pela Banda Freedom e DJ Piri.

A 12 de agosto, a animação musical vai estar a cargo da jovem cantora Bárbara Tinoco e do Fado Torre D’Anto. A noite termina com o DJ John Dry, com sons dos anos 70 a 90.

A 13 de agosto (sábado), a festa tem início com Sensation Ja­zzers, às 12h00, seguindo-se, pelas 16h00, o Encontro de Músi­ca Tradicional com o Gru­po das Quintas, o Grupo de Cantares das Gândaras e o Grupo Vozes de Almo­dôvar no palco Catraia. Às 21h30, na Capela de Nossa Senhora das Necessidades, realiza-se uma Missa Ves­pertina. Pelas 23h00, o palco vai ser pisado pelo artista AGIR e pelo DJ Alex G, além de Coimbrass Band e Mali C.

Dia de honrar a padroeira do concelho

O domingo (14) é dedicado às celebrações religiosas com a comemoração do Dia da Nossa Senhora das Necessidades, padroeira do concelho. Assim, pelas 10h00, as principais artérias da vila vão ser animadas pela Banda Filarmónica Fraternida­de Poiarense, que vai realizar uma arruada. Segue-se a animação dos Gaiteiros Rainha Santa. Às 17h00, celebra-se a Missa e a procissão que conta com a representação de entidades civis, militares e religiosas, igre­jas e capelas do concelho, e da Filarmónica Fraternidade Poiarense, Sociedade Fi­larmónica Louriçalense e da Guarda de Honra pelos Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Poiares. À noite, pelas 23h00, a animação musical vai ser assumida por Lucas & Mateus Jr e pela Banda Trapos e Farrapos, culminando a noite com o DJ Edu.

No último dia (15), as co­memorações religiosas vol­tam a ter destaque. Com início marcado para as 10h00 vai ter lugar uma Missa por alma dos irmãos, benemé­ritos e benfeitores da Ir­mandade já falecidos, bem como da Unidade Pastoral, na Capela. Já a tarde é dedicada às famílias através do teatro infantil apresentado pela CTEP, da performance de magia de Telmo Melo e da atuação do Grupo Funny Dance. A edição encerra com a atuação de Piruka, uma referência no mundo do rap nacional, seguindo-se a animação a cargo de Rodrigo Figueiredo e do DJ Metwo, no palco Catraia.

O primeiro e último dia de certame encerra às 03h00 e às 05h00 nos restantes. Os setores temáticos podem ser visitados diariamente entre as 15h00 e as 01h00.

“Queremos promover o concelho e as suas maiores potencialidades seja a nível cultural, económico e industrial, dando também aos visitantes uma vertente lúdica e muita animação, que também é importante”, revela o presidente da Câmara, João Miguel Henriques.


  • Diretora: Lina Maria Vinhal

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM