6 de Outubro de 2022 | Coimbra
PUBLICIDADE

O Teatrão leva espetáculo a quatro freguesias de Coimbra

25 de Junho 2021

As Freguesias de Torres do Mondego e Santo António dos Olivais e as Uniões de Freguesia (UF) de Trouxemil e Torre de Vilela e S. Martinho de Árvore e Lamarosa vão receber o espetáculo teatral “A Grande Emissão do Mundo em Português”, uma temporada que a companhia O Teatrão vai realizar “fora de portas”.

O primeiro espetáculo desta temporada está marcado para amanhã, no Largo da Junta de Torres do Mondego. O ciclo continua a 2 de julho na Escola Básica 1 da Adémia, a 10 de julho na Associação Desportiva e Cultural de Vila Verde e a 16 de julho no Campo de Jogos do Centro Norton de Matos. Com uma duração de cerca de hora e meia, todos os eventos começam às 21h30 e têm entrada livre, embora sujeitos a reserva (239 714 013, 912 511 302 ou info@oteatrao.com) devido às medidas de prevenção impostas pela covid-19.

As portas da Emissora Nacional voltam a abrir-se, assim, para a terceira temporada d’ “A Grande Emissão do Mundo Português”, desta vez com o cenário a circular por estas quatro freguesias de Coimbra. Depois de duas temporadas de sucesso dentro de portas, com todas as questões de segurança asseguradas, vem agora para a rua, num evento circulante que, através de notícias, anúncios publicitários, momentos musicais ou rubricas regulares, pretende focar o papel que a Emissora Nacional teve na difusão da ideologia do Estado Novo, permitindo ao espetador medir os passos entre as décadas de 40, 50 e 60 no século passado e 2021. “A par disso, surge a possibilidade de espreitar ‘por trás da fechadura’ (ou da porta do estúdio) e olhar para a magia da rádio, ao mesmo tempo que o público acompanha as transformações políticas e sociais de um período conturbado da história nacional”, explica O Teatrão.

A companhia realça também que “esta circulação pelas freguesias corrobora a atitude de proximidade que é matriz do trabalho” que tem vindo a desenvolver e que procura “criar oportunidades de acesso” à atividade que desenvolve. “Longe ou perto da Oficina Municipal de Teatro, os habitantes de Coimbra devem poder ver os nossos espetáculos e tornar-se espectadores assíduos da atividade cultural gerada e programada neste território”, sublinha, dando conta que a circulação deste espetáculo se realiza em colaboração com a Câmara de Coimbra e Juntas de Freguesia.


  • Diretora: Lina Maria Vinhal

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM