2 de Dezembro de 2021 | Coimbra
PUBLICIDADE

Condeixa recupera Piscinas Municipais

18 de Abril 2019

O Município de Condeixa está a proceder à recuperação das Piscinas Municipais, que sofreram estragos na ordem dos 550 mil euros com a passagem da tempestade Leslie, em outubro passado.

No início das obras, que começaram na semana passada, o presidente da Câmara, Nuno Moita, explicou que “a empreitada só foi possível através do esforço orçamental do Município dado que o reforço do Fundo de Emergência Municipal prometido pelo Governo, que prevê um apoio de 60 por cento do valor dos prejuízos, ainda não está operacional”.

O autarca não esconde a sua “preocupação” pelos atrasos na atribuição dos apoios prometidos pela Administração Central, desejando que a situação seja “rapidamente resolvida de modo a não colocar em causa outros investimentos” da Câmara Municipal.

A empreitada tem um prazo de execução de quatro meses, estimando-se que as Piscinas Municipais, um equipamento municipal de grande procura, possam reabrir aos utentes em setembro.

Recorde-se que recentemente a companhia de seguros fixou o montante indemnizatório a pagar pelos estragos causados pela tempestade Leslie em 300 mil euros, o equivalente a cerca de metade dos custos das obras que, de acordo com a autarquia, são necessárias para restabelecer o normal funcionamento do complexo de piscinas. O Município espera, por isso, que “seja dado cumprimento à resolução do conselho de ministros que estabelece a concessão de auxílios financeiros aos municípios afetados através do Fundo de Emergência Municipal”.

De acordo com a avaliação dos prejuízos efetuada pela Câmara Municipal de Condeixa, a tempestade provocou danos de cerca de um milhão de euros em diversas infraestruturas e equipamentos municipais, dos quais se destaca o complexo de Piscinas Municipais.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM