24 de Outubro de 2021 | Coimbra
PUBLICIDADE

Coimbra requalifica Caminhos de Fátima e Santiago

22 de Janeiro 2021

A requalificação dos Caminhos de Fátima e Santiago deverá estar concluída no verão. Da responsabilidade da Câmara de Coimbra, esta intervenção tem como objetivo sinalizar e melhorar a mobilidade pedonal no concelho, de forma a aumentar a segurança de circulação para os caminhantes que se dirijam a estes locais de culto.

Consignada por cerca de 440 mil euros e com um prazo de execução de 150 dias, o projeto contempla a identificação e sinalização dos percursos para caminhantes que se dirigem a Fátima e a Santiago de Compostela, procurando sempre, por razões de segurança e comodidade, evitar as estradas principais e optar por estradas secundárias ou, preferencialmente, caminhos pedonais.

A direção de Fátima está indicada por setas azuis e a direção de Santiago por setas amarelas. A norte, até ao limite do concelho de Coimbra, os caminhos já se encontram devidamente sinalizados. A autarquia pretende agora identificar, sinalizar e melhorar o troço entre a Adémia e o Bolão – onde se encontra o Centro Municipal de Apoio ao Caminhante – e o troço em Cernache. A intervenção no primeiro troço, que segue junto à Estrada do Campo, passa pela limpeza, alargamento e pavimentação das bermas, colocação de balizas retrorrefletoras e marcadores solares autónomos. Já a intervenção no troço de Cernache passa pelo alargamento das bermas e construção de alguns passeios, o que obriga a obras complementares, tais como a instalação de rede de drenagens pluviais, a construção de muros de suporte, a colocação de guardas metálicas e balizas retrorrefletoras, a criação de passadeiras e a pintura de marcações rodoviárias.

Esta é mais uma obra que se soma ao investimento da Câmara de Coimbra na melhoria das condições de segurança e conforto na mobilidade pedonal por todo o concelho. Recorde-se que a primeira intervenção de identificação e sinalização dos caminhos, concluída em março de 2018, foi realizada no centro da cidade, mais concretamente nos troços entre a Ponte-Açude e a Avenida de Conímbriga e entre a estação ferroviária e a Ponte-Açude (Avenida Aeminium), contando ainda com a semaforização de passadeiras e a instalação de painéis indicadores de velocidade instantânea. Essa primeira fase representou um investimento total de mais de 121 mil euros.

De referir ainda que, a pensar nos caminhantes, foi inaugurado em 2017 o Centro Municipal de Apoio ao Caminhante, uma estrutura que serve os peregrinos de Fátima e Santiago. Antes disso, em fevereiro de 2016, foi assinada a escritura pública da criação da Associação Caminhos de Fátima, sendo Coimbra um dos municípios fundadores. Esta associação tem como objetivo incrementar a segurança e melhorar as condições de fruição turística e cultural de todos aqueles que, anualmente e aos milhares, percorrem a pé os caminhos até à Cova da Iria, bem como fomentar, defender e promover o património cultural dos Caminhos de Fátima.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM