14 de Maio de 2021 | Coimbra
PUBLICIDADE

CEARTE acreditada para formação em condução de tratores

5 de Julho 2019

O Centro de Formação Profissional para o Artesanato e Património (CEARTE) é uma das entidades acreditadas para formação obrigatória em condução de tratores agrícolas. A última formação terminou a 21 de junho e o centro prepara-se para abrir novas turmas.

A última formação decorreu no polo de Semide, concelho de Miranda do Corvo, e contou com a participação de 14 formandos da União das Freguesias de Semide e Rio Vide. Orientada por José Fonseca, especialista reconhecido e homologado em mecanização e lides agrícolas pelo ministério da Agricultura e Pescas, durou 35 horas e procurou alertar e sensibilizar os operadores de trator para os aspetos relacionados com a segurança, procurando reduzir ao máximo a sinistralidade com estes equipamentos.

De acordo com o centro, “esta é uma das formações mais solicitadas ao CEARTE, que irá abrir consecutivamente novas turmas para dar resposta à população local, expandido a oferta a outras regiões com caraterísticas de ruralidade, onde este tipo de veículos é indispensável ao trabalho na agricultura”. Recorda que o Despacho n.º 1819/2019, publicado em fevereiro, determina que esta formação é de caráter obrigatório a partir de fevereiro de 2021. Assim, todos os condutores com carta de condução que os habilite a conduzir veículos das categorias B, C e/ou D que pretendam conduzir veículos agrícolas da categoria II e III devem frequentar a ação de formação “Conduzir e Operar o Trator em Segurança” no prazo de dois anos.

O CEARTE lembra que, a nível europeu, Portugal ocupa o terceiro lugar na sinistralidade com tratores agrícolas, atrás da Grécia e da Polónia, contabilizando 123 vítimas mortais entre 2015 e 2016.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM