29 de Setembro de 2020 | Coimbra
PUBLICIDADE

S. Martinho do Bispo homenageou padre Serra

31 de Julho 2020

A Freguesia de S. Martinho do Bispo celebrou, na segunda feira, 916 anos, uma data que o executivo aproveitou para homenagear o padre Francisco Serra e para apelar a todos para que lutem pela manutenção do Hospital dos Covões. As celebrações decorreram no Largo do Chafariz, espaço que se apresenta agora completamente requalificado, e contaram com a presença do homenageado, jovens do Lar de S. Martinho e representantes de várias entidades.

O presidente da União de Freguesias (UF) de S. Martinho do Bispo e Ribeira de Frades, Jorge Veloso, aproveitou este Dia da Freguesia para enaltecer e agradecer ao padre Serra pelo “serviço ímpar e de âmbito social” prestado nas casas que criou para proteger crianças e jovens – S. Martinho do Bispo (sede), Leiria, Figueira da Foz e Alcarraques.

“Uma pessoa que marcou e continua a marcar a freguesia, foi um homem à frente do seu tempo, com uma dedicação sem igual à sua causa, de uma liderança servidora”, disse, recordando o longo percurso e as dificuldades que teve que ultrapassar para conseguir concretizar a sua obra, que integra quatro casas de acolhimento para crianças e jovens onde, ao longo dos anos, tem ajudado centenas de crianças e jovens mais desfavorecidos.

O presidente da Direção do Lar de S. Martinho, João Mascarenhas, considerou que esta é “uma homenagem muito merecida”, que enaltece o trabalho de “um homem que veio para S. Martinho para ajudar as crianças e jovens carenciados”.

“A riqueza do padre Serra está toda aqui”, disse, referindo-se ao legado deixado não só na casa de S. Martinho do Bispo como nas restantes. Comparou-o mesmo a duas personalidades da cidade que também dedicaram a sua vida a ajudar as crianças e jovens desfavorecidos – Bissaya Barreto e Elísio de Moura.

Jorge Alves, vereador da Ação Social da Câmara de Coimbra, felicitou S. Martinho do Bispo pelos seus 916 anos, considerando que “é muito tempo, muita história e muito trabalho em prol das populações que aqui foram vivendo ao longo dos anos”. Entende que é importante homenagear nestas datas “as pessoas que trabalharam em prol das freguesias” e elogiou o trabalho do padre Serra, que “criou uma resposta para os jovens que precisavam de apoio”.

Depois de receber uma lembrança da freguesia, o padre Serra agradeceu a todos os presentes por esta homenagem.

Veloso quer “combate duro” em defesa dos Covões

No final da sessão, Jorge Veloso lançou mais um alerta em defesa do Hospital dos Covões. “De maneira nenhuma nos podemos silenciar e temos que travar um combate duro pela defesa dos Covões porque este hospital não pode ser desprovido e desprezado desta maneira”, sublinhou.

O autarca lamentou o estado em que se encontra o hospital, com a “Urgência em rutura completa, falta de pessoal e excesso de doentes”, considerando que “é urgente passar a urgência para 24 horas e polivalente, em todas as especialidades”.

Jorge Veloso condena o novo Conselho de Administração do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC) por estar a seguir “as indicações do anterior” e apela à população e às entidades competentes para que não esqueçam esta causa.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM