6 de Maio de 2021 | Coimbra
PUBLICIDADE

Queima das Fitas celebra 50 anos da Crise Académica

22 de Março 2019

A Queima das Fitas 2019 vai celebrar os 50 anos da Crise Académica de 1969. Com o lema “Da tradição irreverente faz-se a história do presente”, esta festa estudantil, a maior e mais antiga do país, vai animar a cidade de 3 a 10 de maio mas as atividades culturais e desportivas vão estender-se por mais de três meses, entre março e junho.

Apresentado anteontem, o programa surge este ano com algumas novidades, procurando ir às raízes e apostando numa maior aproximação da Queima não só com os estudantes mas também com a cidade e com as suas instituições e entidades.

Apesar de ainda não ter sido revelado o alinhamento de artistas que irão marcar presença nas Noites do Parque, foi apresentado o cartaz oficial da Queima das Fitas que, de acordo com a comissão organizadora, “mimetiza o filme Rei Leão”, da Disney, apresentando um estudante a segurar os símbolos da praxe académica, iluminado por um raio de sol no topo da torre da Universidade de Coimbra, rodeada, ao nível do solo, por estudantes das diversas faculdades, naquilo que a organização traduz como a “celebração do espírito académico”.

Entre as novidades anunciadas, destaque para a reativação da Ceia dos Boémios, para a melhoria das condições da entrada no recinto das Noites do Parque e para a ambição de receber iniciativas também durante a tarde, em todos os dias de festa. O evento volta a ter também uma preocupação ecológica, ao promover os copos reutilizáveis, medida que este ano pretendem estender também aos pratos e talheres. Ainda nesta questão ambiental, a organização vai apostar no aumento de pontos de recolha de resíduos para reciclagem.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM