22 de Maio de 2019 | Coimbra
PUBLICIDADE

Portugueses acreditam ter as vacinas em dia

3 de Maio 2019

Mais de 94 por cento dos portugueses acredita ter as vacinas em dia e 89,1 por cento considera-as fundamentais na prevenção de doenças graves. Estas são duas das principais conclusões de um inquérito realizado pelo Movimento Doentes Pela Vacinação (MOVA), no âmbito da Semana Europeia da Vacinação, que decorreu de 24 a 30 de abril e que teve como tema “Heróis da Vacinação”.

Com este inquérito, o MOVE procurou avaliar as perceções da comunidade sobre a vacinação e a sua importância ao longo da vida. “A vacinação deve ser uma preocupação de todos, e deve estar presente em todas as fases das nossas vidas”, explica Isabel Saraiva, fundadora do MOVA, vice-presidente da Respira e presidente da Fundação Europeia do Pulmão. Perante os resultados obtidos, considera que a comunidade começa a ter “uma boa consciência da importância da vacinação, não só nos mais novos, mas em todas as faixas etárias”. Alerta, contudo, para o facto de continuar a haver “algum desconhecimento entre quem devia estar mais informado, no caso, os grupos em maior risco”.

No âmbito deste inquérito foram recolhidas 661 respostas, a maiores de 18 anos residentes em Portugal. Para 89,1 por cento dos inquiridos, as vacinas são fundamentais na prevenção de doenças graves, 8,5 por cento considerou-as importantes e dois por cento úteis. Apenas 0,5 por cento as classificou como dispensáveis.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM