16 de Setembro de 2019 | Coimbra
PUBLICIDADE

Poiartes mostra dinamismo de Vila Nova de Poiares

6 de Setembro 2019

Artesanato, gastronomia, caprinicultura, uma Mostra Agrícola, Comercial e Industrial e um recheado cartaz de espetáculos são algumas das principais atrações da Poiartes, certame que junta, até segunda feira (9 de setembro), cerca de 200 expositores em Vila Nova de Poiares. O Município vive uma das suas maiores festas, aguardando muitos visitantes neste evento que comemora 30 anos e que se assume, há muito, como uma referência em toda a região.

Vila Nova de Poiares está em festa. A Poiartes – Mostra Nacional de Artesanato, Gastronomia, Caprinicultura e Mostra Agrícola, Comercial e Industrial abriu ontem (5 de setembro) ao público e, até segunda feira, assegura todos aqueles “ingredientes” que, ano após ano, atraem muitos visitantes ao concelho.

Este é um ano especial para a Poiartes, que celebra três décadas, continuando a crescer e a inovar. A mudança para a Alameda Santo André representou um novo impulso para o certame, conferindo-lhe condições para crescer não só em dimensão mas também em qualidade e segurança. Esta alteração permitiu ainda, como recorda a autarquia, “alargar a tradicional mostra de artesanato e gastronomia a outros setores de atividade”, tendo surgido assim as mostras comercial, industrial e agrícola, transformando este evento numa verdadeira montra do dinamismo e potencial deste concelho e da região, ao dar maior visibilidade às empresas, suas atividades e produtos.

Apesar desta inovação, houve a preocupação, como sublinha o Município, de manter a essência desta realização, um evento que tem uma “identidade própria” que reside em muito na mostra de artesanato, com artigos genuínos e autênticos e muitos artesãos a trabalharem ao vivo, mantendo bem vivos os saberes e técnicas ancestrais.

A autarquia congratula-se com o crescimento que a Poiartes tem registado nos últimos anos, tendo vindo a “bater recordes” não só em número de visitantes como de expositores. Em 2018 contou com cerca de 200 expositores nos diferentes setores, número que espera manter ou ultrapassar este ano.

Considerado o maior evento realizado anualmente no concelho, procura juntar todas as “forças vivas”, envolvendo todas as entidades locais e dando a conhecer o dinamismo concelhio. A par do artesanato e dos setores agrícola, comercial e industrial, destaque também para as tasquinhas com a tão apetecível gastronomia regional e ainda para os espaços dedicados aos produtos endógenos e tradicionais do concelho. De realçar também a já tradicional Mostra de Caprinicultura, que conta com a participação de produtores de caprinos e de material associado a esta atividade.

Animação para todos

A Poiartes é também bem conhecida pelo seu atrativo cartaz musical. Olavo Bilac, Anselmo Ralph e Bárbara Bandeira são os cabeças de cartaz desta festa que apresenta muito mais atrações.

O certame mantém as entradas gratuitas, assegurando assim que esta é uma festa para todos. Para ter uma melhor perceção do número de pessoas que visitam Poiares nesta altura, a autarquia contou no ano passado, pela primeira vez, com um equipamento de contagem de entradas, tendo registado 51.552 visitantes, um número que a organização espera que possa crescer este ano. Para tal, aposta num cartaz musical com “nomes fortes do panorama musical” mas também noutras atividades culturais, assegurando que “há sempre algo a acontecer, independentemente da hora ou dia” em que o visitante percorre a feira, procurando proporcionar a todos “experiências sempre diferentes e momentos de lazer e diversão”.

Neste programa, a autarquia conta com o envolvimento das associações e coletividades do concelho que asseguram diversas atividades e volta a assegurar espaços destinados aos mais pequenos, com atividades radicais e insufláveis gigantes.

“Trabalhamos para que este ano a Poiartes possa continuar a ser um evento de excelência e esperamos que esta edição possa ser ainda melhor do que nos anos anteriores”, realça a autarquia, assumindo que as expectativas são “sempre elevadas” e traçando um balanço “muito positivo” destes 30 anos de Poiartes”.

Teatro e uma performance musical são as propostas para a tarde de hoje. À noite atua Fernando e Fernandito Meireles (21h30), Olavo Bilac (23h00) e o Dj 80’s Tropic Session. Amanhã o programa abre com o Moto-Churrasco (10h00), seguindo-se um seminário sobre Brucelose, no Centro de Competências de Caprinicultura (11h00). À tarde, entre as 15h00 e as 19h00, decorrem diversos momentos musicais e são apresentados os vencedores do Concurso Literário do Conto e Poesia. A noite abre com Nuno Rodrigues Quarteto (21h30), segue com Alselmo Ralph (23h00) e com os Dj’s Wilson Honrado e Alex G.

O XII Passeio de Motas e Motorizadas Antigas “Rota da Chanfana”, o XVIII Capítulo da Confraria da Chanfana e uma sessão de yoga para bebés e crianças vão animar a manhã de domingo. A tarde vai ser dedicada às famílias, com várias atividades lúdicas. À noite realiza-se o concerto final do Estágio de Orquestra de Sopros e Percussão (21h00), atuam Bárbara Bandeira e o Dj John Fox.

A Poiartes encerra na segunda feira, às 13h00, havendo muita animação de rua durante a manhã.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM