23 de Setembro de 2021 | Coimbra
PUBLICIDADE

Penacova reabilita infraestruturas afetadas pelos incêndios

22 de Novembro 2019

O Município de Penacova está a investir cerca de um milhão de euros na reabilitação das infraestruturas afetadas pelos incêndios de outubro de 2017, encontrando-se já os trabalhos na fase final de execução.

De acordo com a autarquia, são cinco as empreitadas que, neste momento, se encontram nesta fase – a que liga os troços da Aguieira/Tojeira, Arroteia/Carvalhal e Laborins/Hombres num valor total de 315.012,16 euros; e a que engloba os troços entre Relvão/Túnel, Lufreu/Peixoto, Cavaleiro/São Pedro de Alva, Paradela/Cortiça, Vimieiro/Paradela da Cortiça, Vimieiro/Carregal de Friúmes, Depósito de Vale Maior/Serra da Atalhada e Riba de Cima, num valor global de adjudicação de 346.741,14 euros.

Em curso, encontram-se igualmente as empreitadas de Vale do Meio (327.970,25 euros) e da Sede do Agrupamento dos Escuteiros – Hombres (34.995,10 euros), bem como os trabalhos de revestimento interior, pinturas e reparação da rede de águas e esgotos (14.161,53 euros).

Os trabalhos em curso visam criar melhores condições de segurança, através de novas pavimentações, marcações rodoviárias, colocação de sinalização vertical e guardas metálicas de proteção, substituindo o que foi destruído pelas elevadas temperaturas do incêndio. A reposição das camadas de pavimentação, vem garantir maior estabilidade das faixas de rodagem, fragilizadas pela passagem da maquinaria pesada utilizada no combate ao incêndio, depois de sujeitas a elevadas temperaturas, e a reparação de elementos de drenagem, para reverter a degradação e a instabilidade dos taludes e muros de suporte das vias municipais.

“Em 2017 perdemos muita coisa, perdemos casas, equipamentos, sofremos danos irreversíveis e irreparáveis, mas perdemos, sobretudo, o que mais nos importa, vidas humanas, que não podemos recuperar. Podemos, no entanto, continuar a esforçar-nos todos os dias para repor a normalidade, para minorar as lembranças e estamos certos que, este restabelecimento das condições normais de circulação contribuirá para a valorização do território e o maior bem-estar das populações afetadas”, salienta Humberto Oliveira. O presidente da Câmara Municipal de Penacova dá conta que todas as empreitadas são comparticipadas pelo Fundo de Solidariedade da União Europeia e realça a importância de restabelecer as condições normais de circulação, numa zona do concelho que foi severamente afetada pelos incêndios.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM