18 de Abril de 2024 | Coimbra
PUBLICIDADE

Lucinda Ferreira

O encanto de ser livre

27 de Janeiro 2023

Tudo está fluindo. O homem está em permanente reconstrução; por isto é livre: liberdade é o direito de transformar-se. Lauro de Oliveira Lima

Abro o ano de 2023 com uma proposta de liberdade que acaba por ser um desafio amoroso, ao senti-lo equilibrado, gostando mais de si mesmo. Aprovando-se e sendo feliz!

Com uma sensação de voar, expressão do seu íntimo liberto e confiante, vai se sentir muito melhor!

Quando desce ao povoado, um sorriso limpo, um olhar brilhante e transparente vai desenhar –se  com simplicidade. Tudo isto é a sua nova expressão, que se tornará habitual e  que só agora descobre ao ser verdadeiramente livre!

– Livre, por que razão?

– Porque descobriu que só dentro de si está tudo o que precisa para ser espontâneo e independente!

(a prisão não são as grades, e a liberdade não é a rua; existem homens presos na rua e livres na prisão. É uma questão de consciência. Mahatma Gandhi)

  • É o conhecimento que lhe abre portas até ao infinito!
  • Até onde estiver disposto a alcançá-lo!
  • Através deste, alcança o autoconhecimento imprescindível para prosseguir …
  • E a ação completa o triângulo do processo.

– Mas afinal, a tal liberdade anunciada?

– Quando se amar. Aprovar e se dominar a si mesmo, dentro do contexto anterior, alcançou a alforria desejada.

– Jamais será atingido pela tristeza.

– Mas o que é a tristeza, perguntar- me-á…

– A tristeza é apego.

  • Só se fixa no que perde.
  • Não enxerga nada para a frente.
  • Os ganhos que sempre resultam das coisas ditas perdidas, podem ser muito maiores do que aquilo que se vai embora!
  • Descobrir sempre o lado positivo do que que parece ou é negativo, é ainda condição para se reconhecer o encanto de ser livre !

– Então e o medo?

– O medo é a proteção que o nosso ser tem acionado, para nos defender dos perigos!

  • Quando alguém se queima no fogão, passa a ter mais cuidado , para não se tornar a queimar.
  • Assim, o medo é precioso. É um alerta para nos amparar, livrar dos riscos do abismo ali mesmo ao lado.
  • Quando já não precisamos dele, enfrentamo-lo!
  • Agradecemos a sua ajuda. Aprendemos a lição.
  • Ativamos a nossa força. Destreza. Capacidades que todos carregamos e de que nos tenhamos esquecido!
  • Deixamos eclodir quem realmente somos e afirmamo-nos, entrando em contacto, com a nossa essência:
  • Eu posso!
  • Eu consigo!
  • Eu sou capaz!
  • Eu quero!
  • Eu realizo!

Aprendemos as experiências, ensinamentos e avançamos, agora, mais fortes e libertos!

– E  como me liberto da culpa ?

– Esta prende- se à sensação de não merecimento.

  • Errei atrás. No presente, está acontecendo algo semelhante. Como sair disto?
  • Parar. Prestar atenção. Analisar e não repetir a mesma incorreção já cometida, pois essa emoção pesada e desagradável da culpa é um aviso inestimável para agradecer mais uma vez esse desconforto, que só está promovendo a mudança e o crescimento. São avisos valiosíssimos.
  • “Não mais me vou magoar com esta emoção tão negativa, nem magoarei outrem, com as minhas ações!                        “,
  • Tem que ser o seu propósito, para se libertar definitivamente da culpa!
  • E o vitimismo…?
  • É outro código negativo q precisa descartar.
  • Como?
  • Deixar de culpar tudo e todos, á sua volta.
  • Assumir a responsabilidade do que chega a si: bom ou menos bom.
  • Compreender de uma vez por todas, que a nossa vida é o espelho que reflete o que está dentro de nós!
  • Veja. A criança bate na esquina de mesa e chora para chamar a atenção e ser consolada…. Há quem chegue junto dela e para a mimar, diz – lhe.
  • ”A mesa é má.fez dói doi à menina. Vamos dar – lhe tau tau!”
  • Nada mais errado que criar a noção que o mal que sofremos vem de fora, sem perceber que nos descuidamos ou saímos do eixo…
  • Não!
  • Fomos nós que atraímos, pois somos energia, assim como tudo que existe é . São os nossos pensamentos e sentimentos mais secretos que criam a vibração que atrai tudo que nos chega, tal como saúde ou doença ou outras situações boas ou más.
  • Se coloca a culpa no mal que lhe acontece, vindo dos outros,
  • Pode esperar eternamente, que tudo vai continuar igualzinho.
  • Se pelo contrário, souber que tem que assumir tudo o que lhe acontece, para. Vê o que esse momento lhe quer ensinar. Corrige. Passa à frente e resolve a sua dor, seja ela de que natureza for, de acordo com o que tem que corrigir e passar a frente.
  • Por outro lado reforça o seu amor por si mesmo e repete consciente:
  • Eu posso! Eu realizo! Eu me responsabilizo pela dificuldade que criou, pois é justamente quem tem o  poder de anular e dissolver o que o incomoda!
  • E para finalizar, deixo – lhe o caminho mais rápido e seguro, para evitar desgaste e encrencas!
  • A via é sair rapidamente do padrão vibracional que só atrai sofrimento e dor…
  • E como acontece isso?
  • Mudo pensamentos e sentimentos simplesmente, trago o amor para dentro de mim e fortaleço:
  • A confiança!
  • Repito: Eu posso! Eu confio! Eu consigo!
  • Reforço a minha fé!
  • A gratidão
  • A alegria,  que tem o poder de matar todas as células negativas (no caso da doença) e reforçar, multiplicar as positivas, contrariamente à quimioterapia que mata tudo: bom e mau…
  • E siga confiante. Tranquilo e sereno, pois descobriu o segredo! Mas …saber sem fazer  é como não saber.
  • Vamos lá todos , em 2023, levantar ruínas e construir todos os sonhos que nos fazem vencer, mudar a nossa vibração e a vibração do nosso querido planeta azul.
  • “A verdadeira liberdade é um ato puramente interior, como a verdadeira solidão: devemos aprender a sentir-nos livres até num cárcere, e a estar sozinhos até no meio da multidão”.Massimo Bontempelli
  • E…aí saborear o encanto da liberdade!
  • Que  conquistámos com mais um passo para a o alargamento da nossa consciência…

 


  • Diretora: Lina Maria Vinhal

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM