22 de Agosto de 2019 | Coimbra
PUBLICIDADE

“O Despertar” de sempre

27 de Setembro 2018

No ano em que “O Despertar” completa o seu primeiro centenário, a Junta de Freguesia de Santo António dos Olivais felicita vivamente todos os que trabalham nesse histórico periódico, orgulho da lmprensa Regional.

“O Despertar” surgiu em março de 1917, sendo seu diretor o Dr. José Pires de Matos Miguens, e, em 1934, enfrentou sérias dificuldades que quase puseram em causa a sua continuidade.

É então que António de Sousa toma as rédeas do jornal que, ainda hoje, é fiel aos princípios que constavam da sua “Carta Magna”: “ser independente, alheio às forças partidárias e por acima de tudo os legítimos interesses de Coimbra”.

Como a generalidade da Imprensa Regional foi vivendo diversos períodos conturbados, mas a verticalidade de António de Sousa e dos seus familiares permitiu vencê-las, para bem do jornalismo independente e, também, de Coimbra.

Conhecedores da intensão da Associação Portuguesa de Imprensa de candidatar os jornais regionais centenários a Património Mundial da Unesco aqui assumimos a inteira disponibilidade desta Junta de Freguesia, que teve como primeiro Presidente eleito democraticamente Armando de Sousa, filho de António de Sousa, e que tem seu neto Fausto Correia, um saudoso amigo, perpetuado no nosso Centro Social, de apoiar este movimento.

“O Despertar” e Coimbra merecem-no!

MANUEL DE OLIVEIRA (Presidente da Junta de Freguesia de Santo António dos Olivais)


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM