4 de Agosto de 2020 | Coimbra
PUBLICIDADE

Médicos do Centro: Carlos Cortes assinala desempenho da Sanfil

9 de Julho 2020

A retoma da atividade cirúrgica, de tratamento, diagnóstico e consultas na Sanfil, em Coimbra, foi hoje assinalada positivamente pelo presidente da Secção Regional do Centro da Ordem dos Médicos (SRCOM).

Carlos Cortes, que prosseguiu a visita a unidades de saúde públicas e privadas para perceber como funcionaram durante o período de confinamento devido à Covid-19 e como está a atividade neste momento de retoma, realçou que está a ser feito “um esforço redobrado com muito cuidado e muita segurança”.

“Na altura de crise, a Sanfil teve uma resposta integrada, com reuniões diárias e um plano de contingência adotado muito cedo”, declara Carlos Cortes, destacando que esta unidade de saúde “teve a coragem de manter em funcionamento algumas valências, como na área da sinistralidade, de consultas de patologias que não podiam esperar”, colocando em prática todas as recomendações da DGS para a segurança dos doentes e dos profissionais.

O presidente da SRCOM declarou-se, também, “muito agradado” com o que lhe foi dito sobre este período de retoma, ficando com a noção que há um contributo importante da Sanfil para ajudar a recuperar o atraso que houve.

Conforme deu conta, “este esforço importante traduz-se em medidas de intensificação de consultas, que se realizam todos os dias da semana, excepto ao domingo, e nas cirurgias que são efetuadas todos os dias da semana, muitas delas começando logo às 06h00 e indo para além da meia-noite”.

“Há aqui um esforço grande de permitir que a atividade cirúrgica esteja a 100 por cento e que as consultas se situam nas 3 500, enquanto no período homólogo eram de 4 000”, acrescentou, com Carlos Cortes a apelar para que “os doentes não podem fiquem em casa e vão às consultas e aos hospitais”.

Celso Cruzeiro, diretor clínico da Sanfil, que se encontrava acompanhado de Paula Ferreira, gestora da unidade de Coimbra, congratulou-se com a visita do dirigentes da Ordem dos Médicos, considerando que esta entidade tem um “papel fundamental para minimizar o medo das pessoas e fazer com que procurem, em segurança, os cuidados de saúde”, “A Sanfil continua disposta a contribuir para a melhoria dos cuidados de saúde em Portugal”, acrescentou.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM