1 de Dezembro de 2021 | Coimbra
PUBLICIDADE

Mais de dois bilhões de pessoas no mundo sem direito a água

22 de Março 2019

Mais de dois biliões de pessoas em todo o mundo continuam a ser privadas de água, apesar do acesso à água e ao saneamento ser reconhecido internacionalmente como um direito humano. Este alerta é feito pela Organização das Nações Unidas (ONU), no âmbito do seu último Relatório Mundial sobre Desenvolvimento dos Recursos Hídricos, dado a conhecer na terça feira, em Genebra (Suíça), nas vésperas do Dia Mundial da Água, que hoje se assinala e que tem como tema “Água para Todos”.

“O acesso à água é um direito vital para a dignidade de todos os seres humanos”, declarou a diretora-geral da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO), Audrey Azoulay, lamentando que, “ainda assim, bilhões de pessoas continuem sendo privadas desse direito”.

Intitulado “Não deixar ninguém para trás”, este Relatório Mundial das Nações Unidas explora os sinais de exclusão e investiga formas de superar as desigualdades. Recorde-se que, em 2010, a Assembleia Geral das Nações Unidas aprovou uma resolução que reconheceu “o direito à água potável segura e limpa e ao saneamento como um direito humano” e, em 2015, o direito humano ao saneamento foi reconhecido de forma explícita como um direito distinto. Esses direitos obrigam os Estados a agirem rumo à obtenção do acesso universal à água e ao saneamento para todos, sem discriminação, ao mesmo tempo em que devem dar prioridade às pessoas mais necessitadas. O Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) 6 da Agenda 2030 visa garantir também a gestão sustentável e o acesso à água e ao saneamento para todos até 2030. Mas, apesar dos progressos obtidos nos últimos 15 anos, estes direitos ainda não chegaram a toda a população.

De acordo com os dados divulgados pela ONU, em 2015 três entre 10 pessoas (2,1 bilhões) não tinham acesso à água potável segura e 4,5 bilhões de pessoas, ou seis entre dez, não tinham instalações sanitárias geridas de forma segura.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM