4 de Agosto de 2020 | Coimbra
PUBLICIDADE

Festas da Cidade e da Rainha Santa animam Coimbra até 12 de julho

3 de Julho 2020

Coimbra vai estar em festa de hoje a 12 e julho. As celebrações surgem diferentes este ano, fruto dos condicionalismos impostos pela pandemia da Covid-19, mas pretendem dignificar a cidade, honrar a sua Padroeira, promover a economia e transmitir também uma mensagem de esperança e alegria a todos os conimbricenses.

Apesar dos tempos exigirem cuidados especiais e redobrados, há momentos que não podem ser esquecidos. As festas da Cidade e da Rainha Santa são um deles e a autarquia preparou um programa extenso e atrativo que convida a celebrar Coimbra no mês de julho. Centrado em artistas locais e num conceito diferente, aposta sobretudo em eventos culturais ao ar livre, apresentando, nos dois primeiros fins de semana de julho, inúmeras iniciativas culturais, como exposições, programação infantil, mini-concertos em simultâneo em vários locais, vídeo mapping nas fachadas das casas num espetáculo itinerante denominado “Festival à Janela” por várias freguesias do concelho, serões nas casas de fado e quatro espetáculos com plateia sentada, lotação adequada e transmissão online para as redes sociais do município. Além da aposta na retoma cultural, esta edição das festas surge, como realça o Município, com “o objetivo de reanimar social e economicamente o concelho, em especial dos setores da hotelaria, restauração e comércio”.

“Sabemos que será diferente do habitual, mas Coimbra quer devolver a normalidade possível e o contacto com a cultura aos cidadãos, garantindo ao mesmo tempo um ambiente seguro e de conforto”, reforça a autarquia, explicando que o programa foi pensado para que os eventos possam chegar ao maior número de pessoas, presencialmente (sempre com lotação limitada) ou através de transmissões online pelas redes sociais do Município.

As festividades começam hoje (3 de julho), às 18h00, com Fado ao Centro, no Fado ao Centro – Casa de Fado. Este é um espetáculo gratuito, com público sentado (máximo e 25 pessoas) e transmissão online. Está, contudo, sujeito a reservas até 24h00 de antecedência, através do telefone 239 405 105 ou do e-mail reservas@fadoaocentro.com.

Também hoje, às 21h30, há novo espetáculo de fado, na Casa de Fados – Centro Cultural “à Capella”. Este é também um espetáculo gratuito, limitado a 30 pessoas, e mediante reserva até 24h00 de antecedência, através do telefone 239 833 985 ou do e-mail acapella@gmail.com.

À mesma hora começa o Festival à Janela – vídeo mapping itinerante, com público em suas casas, pel’ O CUBO, com apresentações no Vale das Flores e Bairro Norton de Matos. Este evento vai prolongar-se por vários dias, percorrendo as várias freguesias do concelho.

A noite continua com o concerto de “Os Quatro e Meia”, a partir das 22h00, na Praça das Bandeiras. Este é um espetáculo também com público sentado e que terá transmissão online.

Amanhã, Dia da Cidade

O programa de amanhã (4 de julho) vai ficar marcado pelas celebrações do Dia da Cidade, que começam, às 10h30, na Praça das Cortes, com a visita às obras da ciclovia e com o lançamento do programa “Pedalada de ciência”. Continuam, às 11h00, com a inauguração do Largo do Chafariz, em S. Martinho do Bispo, e à tarde, às 15h00, é inaugurado o Centro de Arte Contemporânea de Coimbra, junto à Porta de Barbacã, na Rua Ferreira Borges, na Baixa, cerimónia que contará com a presença da Ministra da Cultura, Graça Fonseca. O público vai poder visitar este novo Centro entre 18h00 e as 20h00.

Destaque ainda para a realização, às 16h00, da visita guiada “A Heráldica Municipal”, um percurso pedonal limitado a 10 pessoas e sujeito a inscrição prévia na Casa da Cultura ou através do telefone 239 702 630. Os participantes têm que usar máscara e devem reunir-se à entrada da Câmara Municipal.

O fado continua em destaque, com um espetáculo no Fado ao Centro, às 18h00, e outro no “À Capella”, às 21h30. À mesma hora segue o Festival à Janela, no Solum e Cidral, e às 22h00 há concerto no belo Jardim da Sereia que, como adianta a Câmara, contará com a presença de “uma lenda viva da música portuguesa” – Rui Veloso.

Domingo

No dia 5 de julho o programa começa, às 15h00, com a visita guiada “Tradições Académicas e a Canção de Coimbra”. Segue-se, uma hora depois, a abertura de exposições do Prémio Estação Imagem, na Sala da Cidade, Museu Municipal de Coimbra – Edifício Chiado, Galeria Pinho Dinis, Galeria Pedro Olayo, Centro Cultural do Penedo e Mosteiro de Santa Clara-a-Velha.

Às 18h00 o Grande Auditório do Convento São Francisco recebe “O Melhor dos Musicais”, dirigido por Nuno Feist, e há fado na Fado ao Centro – Casa de Fado. À noite, a partir das 21h30, continua o Festival à Janela, em Celas e nos Olivais, e há mais um espetáculo de fado “À Capella”.

10 de julho

As festividades continuam depois a 10 de julho, sexta feira. Abrem, às 11h00, com um Concerto para Bebés, pela Academia de Música de Coimbra. O fado continua em destaque no Fado ao Centro (18h00) e “À Capella” (21h30). O Festival à Janela prossegue nesse dia, a partir das 21h30, num percurso que passa pelo Monte Formoso, Loreto, Pedrulha e Eiras.

Vão realizar-se ainda, entre as 18h30 e as 22h00, mini-concertos com artistas da cidade, num evento designado “5 Locais, 5 Conceitos” – Praça 8 de Maio, Palco Pop Rock; Terreiro da Erva, Palco Raízes; Largo Padre Estrela Ferraz, Palco Jazz; Rua João de Deus Ramos, Palco Comédia; e Praça Infante D. Henrique, Palco Smooth.

A noite termina ao som dos Anaquim, um concerto que começa às 22h00, no Jardim da Sereia. Trata-se de um evento com público sentado e que terá transmissão online.

11 de julho

No dia 11, às 11h00, há novamente Concerto para Bebés, pela Academia de Música de Coimbra. Segue-se, às 16h00, “(Re)habitar – Recital Itinerante pelas Casas dos Poetas”, pela Cooperativa Bonifrates, que vai ligar a Alta e a Baixa de Coimbra, num percurso que vai passar pela Biblioteca Joanina, Pátio das Escolas, Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, Museu Nacional de Machado de Castro, Sé Nova, Rua da Matemática, Rua das Flores, Couraça dos Apóstolos, Santa Cruz, Café A Brasileira, Sé Velha, Torre de Anto e Casa da Escrita.

Também às 16h00, no Convento São Francisco, é inaugurada a exposição “Dar a Ouvir – Paisagens Sonoras da Cidade”, seguida de visita guiada pelos artistas que integram a edição 2020. Esta mostra pode ser visitada até 6 de setembro, de quarta a segunda feira, das 15h00 às 20h00. Com entrada gratuita, é uma proposta do Serviço Educativo do Jazz ao Centro Clube em coorganização com a Câmara Municipal de Coimbra/Convento São Francisco. Através de um programa artístico eclético, que aborda a natureza e a dimensão cultural e social do som, o projeto procura dar a conhecer as paisagens e ambientes sonoros da cidade e de outras geografias.

Novamente lugar ao fado, às 18h00 no Fado ao Centro e às 21h30 no “À Capella”. Também às 21h30 começa mais uma sessão do Festival à Janela, em Santa Clara e São Martinho do Bispo.

A noite termina com o concerto “Sardet não está só – André Sardet e João Só”, novamente no Jardim da Sereia, a partir das 22h00. Haverá lugares sentados e o espetáculo será transmitido online.

12 de julho

Para 12 de julho, último dia das celebrações estão reservados mais duas sessões de fado, nos mesmos locais e à mesma hora. Convida-se também a visitar a exposição “Dar a Ouvir”, das 15h00 às 20h00.

Durante praticamente todo o mês, de 3 a 31 de julho, a cidade “veste-se” de festa, com a iluminação festiva a animar a cidade de terça a quinta feira e aos domingos entre as 20h30 e as 02h00 e às sextas e sábados entre as 20h30 e as 04h00.

A iluminação vai estender-se a vários locais da cidade, nomeadamente Avenida João das Regras, Bairro Norton de Matos, Câmara Municipal de Coimbra [#coimbra], Escadas e Largo do Quebra Costas, Largo da Cruz de Celas, Largo da Freiria, Largo da Portagem, Largo das Ameias, Largo das Olarias, Largo do Paço do Conde, Largo do Poço, Largo do Romal, Largo Padre Estrela Ferraz, Mercado Municipal D. Pedro V, Praça 8 de Maio, Praça da República, Praça das Cortes [#Coimbra], Praça do Comércio, Praça Machado de Assis, Rua da Sofia, Rua Ferreira Borges, Rua Visconde da Luz, Solum e Terreiro da Erva.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM