24 de Setembro de 2021 | Coimbra
PUBLICIDADE

Estórias de Santa Clara: Menino Jesus da Cartolinha

21 de Dezembro 2018

Por José Simão

Estava eu no antigo Café Miradouro a dar os parabéns a um amigo de Santa Clara por este ter acertado no totoloto e recebido uns bons milhares de contos e ele contou-me como tudo aconteceu e parece que a combinação dos números teve a mão do Menino Jesus da Cartolinha em português ou “Nino Jasus de la Cartolica” em mirandês.

O sortudo foi convidado por um amigo da tropa de Miranda do Douro para um jantar, cuja ementa foi a tradicional “posta mirandesa” e no final do jantar esse amigo perguntou ao nosso sortudo se queria colocar o manto do Menino Jesus da Cartolinha, já que naquele ano era ele o zelador do santo e por isso tinha o Manto Grande em casa durante um ano, uma tradição dos mirandeses zeladores. Mal colocou o manto, diz o nosso sortudo que sentiu um arrepio. O jantar terminou em franco convívio e o santaclarense regressa a casa, vai ao café e regista o totoloto, acertando em cheio nos números premiados.

Ouvi a história e fui saber mais sobre o Menino Jesus da Cartolinha que está na Catedral de Miranda do Douro, sendo celebrada a festa em sua honra no dia 6 de janeiro, precisamente a data do meu casamento. Pensei que o Menino me estava a dar um sinal e juntamente com a minha mulher fomos a Miranda do Douro prestar as nossas homenagens ao pequeno santo. Lá chegados perguntamos pelo manto e quem era o zelador. O zelador desse ano era uma senhora que não estava em casa naquela altura, mas podíamos colocar o manto pequeno que era o utilizado pelo Menino Jesus da Cartolinha e assim o fizemos. Regressamos a Santa Clara, jogamos no totoloto, no Euromilhões e nada aconteceu, tudo em branco. Pensei, terei de voltar a Miranda para colocar o manto grande, porque o pequeno não deu nada. Passado um ano voltamos a Miranda e encontramos a zeladora que muito simpaticamente nos deixou colocar o manto grande. Trouxe também umas quantas estatuetas do Menino e coloquei os boletins do Euromilhões debaixo delas e novamente nada. Não fiquei triste e consolei-me dizendo cá para mim “o Menino já me deu sorte no amor, talvez não me queira dar sorte ao dinheiro, acho que sou um sortudo também”. Depois de tudo isto soube que um Mirandês acertou no Euromilhões, mas se calhar não acertou no amor.

Poderá também ouvir as Estórias de Santa Clara contadas por José Simão, presidente da União de Freguesias de Santa Clara e Castelo Viegas, às sextas feiras no programa da manhã da Rádio Regional do Centro (96.2 FM), entre as 7h00 e as 8h00. www.radioregionalcentro.com


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM