27 de Maio de 2022 | Coimbra
PUBLICIDADE

CUF alarga serviço de teleconsulta para melhor responder à população

17 de Abril 2020

O hospital CUF alargou o serviço de teleconsulta a diversas especialidades, de forma a garantir uma resposta cada vez mais eficaz às necessidades da população, tendo em conta o atual estado de emergência provocado pela Covid-19.

Assim, a partir de agora, é possível agendar consultas em telemedicina nas diferentes especialidades, como Endocrinologia, Urologia, Ginecologia-Obstetrícia, Cardiologia, Neurocirurgia, Psicologia, entre outras. A opção de teleconsulta, por videoconferência, está disponível já desde o dia 24 de março, tendo iniciado com as especialidades de Medicina Geral e Familiar, Medicina Interna e Pediatria.

No momento difícil que se vive no país, a CUF reafirma o seu empenhamento em “desenvolver soluções que permitam continuar a dar resposta às necessidades da população e assegurar a continuidade dos cuidados de saúde aos doentes habitualmente seguidos nas unidades CUF, evitando deslocações desnecessárias às unidades de saúde, sempre que a situação clínica o permita”. Considera que, neste contexto, “é fundamental que os doentes recorram ao seu médico sempre que necessário, seja por teleconsulta ou presencialmente se tal se justificar”.

“Os imperativos desta pandemia não anularam a existência de outras patologias, também elas graves e a necessitar de assistência médica. No entanto, a necessária alteração dos cuidados de saúde resultou num insuficiente controlo de algumas patologias crónicas – com prováveis consequências a curto-médio prazo. Se por um lado é imperioso que as unidades de saúde disponibilizem meios que permitam a monitorização dos seus doentes crónicos e garantam a assistência a situações agudas, por outro, os doentes devem proativamente contactar as suas unidades de saúde e solicitar avaliação médica”, alerta Ricardo Leão, médico coordenador da especialidade de Urologia do Hospital CUF Coimbra.

O especialista reforça que “procurar resposta clínica é seguro”, tendo o CUF Coimbra reestruturado os circuitos e os protocolos de atuação de modo a reforçar a segurança de clientes e profissionais na unidade de saúde. Disponibilizou, ainda, a possibilidade de prestar cuidados de saúde remotamente, por teleconsulta, “o que permite diminuir as deslocações ao Hospital e, simultaneamente, dar resposta a uma população de doentes crónicos, mantendo planos de seguimento, monitorizando a terapêutica e avaliando a evolução da doença”.

Os utentes podem agendar teleconsultas para os médicos disponíveis nesta modalidade através do site, da app My CUF ou telefone. Para poderem realizar uma teleconsulta, devem assegurar que têm um dispositivo com câmara e microfone (smartphone, tablet ou computador) e ligação à internet. Em caso de necessidade, e após validação do seu médico, os clientes mantêm a possibilidade de agendar consultas urgentes e importantes de forma presencial. A CUF disponibiliza, no seu site, todas as informações necessárias para a marcação e acesso à teleconsulta.


  • Diretora: Lina Maria Vinhal

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM