16 de Setembro de 2021 | Coimbra
PUBLICIDADE

Covid-19: GNR desinfeta cerca de 1.700 ambulâncias e 50 instalações

22 de Abril 2020

O núcleo de matérias perigosas da Unidade de Emergência de Proteção e Socorro (UEPS) da GNR já procedeu à descontaminação de cerca de 1.700 ambulâncias e de 50 instalações, desde o início da pandemia Covid-19.

Este núcleo especial, estrutura integra cerca de 60 militares altamente especializados em matérias perigosas e agentes NRBQ (nucleares, radiológicos, biológicos e químicos), tem vindo a ser acionado diariamente, designadamente para a descontaminação de estabelecimentos hospitalares, instituições, lares de idosos, creches, centros de dia e outro tipo de infraestruturas, aqui se incluindo instalações e viaturas da própria Guarda.

Os militares da GNR têm garantido também, como realça esta força de segurança, “o funcionamento ininterrupto, o cuidado rigoroso e atenção redobrada que merecem, em Lisboa e no Porto, duas linhas de descontaminação exclusivas para ambulâncias e viaturas médicas de emergência e reanimação do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), da Cruz Vermelha Portuguesa e dos Bombeiros, oriundas de todo o país, registando-se uma descontaminação média diária de 50 viaturas”.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM