21 de Outubro de 2021 | Coimbra
PUBLICIDADE

Coimbra: Trânsito reabre em algumas ruas da Alta

16 de Abril 2020

As ruas do Colégio Novo (Faculdade de Psicologia), Sobre Ribas (Torre de Anto), do Loureiro e João Jacinto (Casa da Escrita) e a Couraça dos Apóstolos, na Alta de Coimbra, retomam a circulação viária normal, depois de terem sido requalificadas. De acordo com a Câmara Municipal, estão reunidas as condições para a reabertura do trânsito naquelas vias, depois da reabilitação que sofreram no âmbito de uma empreitada que engloba também as ruas dos Coutinhos, da Fonte Nova e Joaquim António de Aguiar, e que representa um investimento de cerca de 680.000 euros.

Os trabalhos estão a ser realizados em várias fases, de modo a minimizar o impacto nos acessos a habitações e serviços. Nesse sentido, a empreitada vai avançar para a quarta fase, que vai implicar diferentes condicionamentos de trânsito na Alta, com especial incidência nas ruas dos Coutinhos e Joaquim António de Aguiar.

A autarquia alerta para os cortes de trânsito na Rua Joaquim António de Aguiar, desde o Largo Anthero Alte da Veiga até ao Largo da Sé Velha, sendo o acesso condicionado também à Rua das Esteirinhas, estando garantida a circulação pedonal e a acessibilidade às habitações.

O trânsito vai sofrer cortes também na Rua dos Coutinhos (em fase de conclusão, dependendo das condições meteorológicas dos próximos dias), sendo assegurada a circulação pedonal e a viaturas de emergência.

O acesso rodoviário ao Largo da Sé Velha será exclusivamente realizado pela Rua da Ilha, até estarem concluídos os trabalhos em calçada na Rua dos Coutinhos, e a saída terá de ser efetuada pela Rua Borges Carneiro.

A Linha (azul) do Centro Histórico dos Serviços Municipalizados de Transportes Urbanos de Coimbra (SMTUC) vai realizar percurso alternativo, seguindo o trajeto habitual da Baixa até à Rua do Colégio Novo (Faculdade de Psicologia), subindo pela Rua João Jacinto (Casa da Escrita), Couraça dos Apóstolos, Rua de São João, Rua de São Pedro (Polo I da Universidade de Coimbra), desce a Couraça de Lisboa e retoma o percurso habitual a partir da Rua da Alegria até à Baixa.

Recorde-se que esta intervenção, que está entregue à empresa Construções Castanheira & Joaquim, Lda., visa dar continuidade ao plano estratégico da autarquia para melhorar a mobilidade pedonal e as infraestruturas do subsolo na zona histórica da cidade, num investimento global que já é previsivelmente de quatro milhões de euros.

Esta empreitada pretende melhorar a mobilidade pedonal na Alta da cidade, através da requalificação do espaço público, realça a autarquia, explicando que o projeto prevê, também, a remodelação das infraestruturas de água, drenagem residual doméstica e pluvial, de eletricidade e de telecomunicações.

Já este mês, no dia 7, o executivo municipal aprovou a proposta do júri para adjudicar a empreitada de valorização do Largo da Sé Velha, da Rua e Largo do Quebra Costas e das Escadas e Beco da Carqueja pelo valor de 1,6 milhões de euros. Esta obra, divida em três lotes, pretende melhorar a mobilidade pedonal nestas vias históricas da cidade, nomeadamente através da introdução de passadeiras de conforto.

Mapa com os acessos alternativos


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM