19 de Maio de 2019 | Coimbra
PUBLICIDADE

Coimbra transforma-se em capital da Banda Desenhada

8 de Março 2019

Coimbra volta a afirmar-se como a “capital” da Banda Desenhada. A Coimbra BD começou ontem, na Casa Municipal da Cultura, e prolonga-se até domingo, com um programa variado que apresenta o que de melhor se faz nesta área, onde sobressaem as exposições, workshops, conferências, apresentação de livros, jogos de tabuleiro e o habitual concurso de cosplay.

Organizada pela Câmara Municipal de Coimbra, esta Mostra Nacional, que vai já na quarta edição, tem trazido à cidade muitos apaixonados por esta arte e, desta vez, apresenta-se com algumas novidades, estendendo-se também ao Convento São Francisco, onde decorre a programação paralela do MOTELX Coimbra, que reforça o evento com cinema de terror adequado a diferentes faixas etárias.

A autarquia realça que esta edição “aposta em quatro dias de programação diversificada e de elevada qualidade”, destacando a ambição do evento de “conquistar novos públicos, designadamente os admiradores do cinema de terror, através das curtas-metragens do MOTELX Coimbra, que explora a afinidade do conto infantil com o universo do terror, ainda que os filmes sejam pouco aterradores e considerados, por muitos autores, como ‘contos de fadas para adultos’”. Este prolongamento da mostra ao Convento São Francisco inclui várias sessões cinematográficas dirigidas ao público infantojuvenil e familiar (através da exibição de curtas-metragens integradas no périplo nacional dos “Filminhos Infantis à Solta pelo país” e pela “Zero em Comportamento”), bem como a exposição “Desenhar o Silêncio”, de António Jorge Gonçalves, que está patente, até 14 de abril, na Galeria Pedro Olayo (filho).

De forma a consolidar a internacionalização da Coimbra BD – Mostra Nacional de Banda Desenhada vão passar pela Casa da Cultura alguns convidados internacionais, destacando-se Étienne Schréder, autor do livro “O Segredo de Coimbra”, a mais importante edição BD que tem a cidade de Coimbra como cenário; e o desenhador italiano Fabio Celoni. Marcam também presença vários autores nacionais, representantes da criação artística para a “9.ª Arte”, ao nível da escrita, argumento para BD ou ilustração.

Durante estes quatro dias, a Casa Municipal da Cultura acolhe, então, um conjunto de mostras da autoria de Étienne Schréder, Fabio Celoni, Fábio Veras, Daniel Henriques, André Caetano, J. M. Lameiras e J.R. Santos, bem como outras duas, dedicadas à presença das “Mulheres na BD Portuguesa do Séc. XXI” e às “Imagens de Sophia”, esta dedicada às história da escritora e aos artistas e ilustradores que inspiraram, no ano em que se comemora o centenário do nascimento de Sophia de Mello Breyner Andresen.

Nesta edição, a Câmara de Coimbra renova a colaboração por parte da “Dr. Kartoon” (livraria especializada em Banda Desenhada) a que agora se junta a “Comic Heart”.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM