19 de Julho de 2019 | Coimbra
PUBLICIDADE

Caminhando juntos… desportivamente

27 de Setembro 2018

Ao longo do último século “O Despertar” sentiu, acompanhou e noticiou o “pulsar” dos muitos clubes e coletividades da cidade. Em muitos casos, caminharam juntos, passo a passo, enfrentando dificuldades e travando lutas para fazer do futuro uma certeza. Hoje, ao celebrar o seu primeiro centenário, “O Despertar” recorda aqui alguns desses “companheiros” de vida que, tal como o jornal, se podem orgulhar da sua longevidade, contando todos com pelo menos mais de sete décadas de existência.

A Associação Académica de Coimbra (AAC), fundada a 3 de novembro de 1887, é uma das mais antigas associações da cidade. Criada pelos estudantes da Universidade de Coimbra, integra diversas secções culturais mas também desportivas e é este setor que privilegiamos hoje.

Com 130 anos de existência, conta, nas suas Secções Desportivas, com um vasto leque de desportos, como hóquei em patins, futebol, andebol, basquetebol, rugby, canoagem, natação, voleibol, ténis, artes marciais e xadrez, entre outros.

A “Académica” é considerada, assim, o “clube” mais eclético do país, uma vez que “pratica” o maior número de modalidades. A Académica – AAC/Organismo Autónomo de Futebol -, é considerada a “herdeira” da secção de futebol da AAC, que também se mantém até hoje.

Sport Clube Conimbricense nasceu há 107 anos

O Sport Clube Conimbricense é outra das instituições desportivas mais antigas de Coimbra. Fundado a 3 de fevereiro de 1910, conta atualmente com 107 anos, sendo uma referência incontornável no desporto, reunindo, ao longo da sua história, vários troféus conquistados em diversas modalidades. Presidido por Carlos Ferreira, o clube mantém as suas instalações na Baixa, na Rua Simões de Castro, continuando a proporcionar a prática de desporto a centenas de pessoas. Com várias modalidades, foi o basquetebol que lhe deu a maior projeção da sua história, tendo sido o primeiro clube a ganhar o Campeonato Nacional da 1.ª Divisão de Basquetebol. O seu trabalho foi reconhecido com a atribuição da Medalha de Ouro da Cidade de Coimbra e foi distinguido também como Cavaleiro da Ordem de Benemerência. É considerada uma coletividade de Utilidade Pública.

O Sport Clube Conimbricense nasceu ainda alguns anos antes d’ “O Despertar” e as suas atividades mereceram sempre um espaço de destaque nas suas páginas. As glórias conquistadas, bem como as dificuldades e lutas travadas, tiveram eco neste jornal que, ainda hoje, continua a acompanhar e a divulgar os feitos desportivos deste emblemático clube.

ACM faz 99 anos a 20 de junho

Muito perto de comemorar 99 anos, a 20 de junho próximo, a Associação Cristã da Mocidade (ACM) de Coimbra caminhou praticamente sempre lado a lado d’ “O Despertar”. Com uma história recheada de feitos, oportunamente noticiados nas páginas deste jornal, a ACM mobiliza atualmente, de acordo com o seu presidente Fausto Carvalho, “cerca de 1600 pessoas”, distribuídas por “cerca de 30 modalidades”. Esta instituição, com instalações na Rua Alexandre Herculano, sempre apostou num trabalho integrado, pensado para beneficiar a comunidade. “São quase 99 a promover o desporto e a cultura, mas também de uma relação estreita com a comunidade noutras áreas, como a social”, explica Fausto Carvalho.

Apesar de ter os seus associados, esta é uma associação aberta a todos. A nível desportivo mantém uma dinâmica forte, traduzida em muitas medalhas e troféus. “Creio que no desporto a ACM de Coimbra está no topo da região porque, até agora, terá sido, eventualmente, a única coletividade que teve participação em quatro jogos olímpicos”, frisa.

O trabalho que tem desenvolvido foi já por várias vezes reconhecido. Em 1984 o Governo atribuiu-lhe o Estatuto de Utilidade Pública, em 1988 o ministério da Educação distinguiu-o com a Medalha de Bons Serviços Desportivos e em 1993 a Câmara de Coimbra atribuiu-lhe a Medalha de Ouro da Cidade.

União de Coimbra foi fundado em 1919

Também quase centenário é o Clube de Futebol União de Coimbra, fundado a 2 de julho de 1919, há 98 anos. Não será, contudo, com essa designação que chega aos tempos atuais, tendo sido obrigado a mudar de nome no ano passado.

Depois do clube ter sido declarado insolvente em fevereiro em 2016, um grupo de unionistas juntou-se para tentar salvar a coletividade e para poder preservar a sua história. A solução encontrada passou por alterar o nome e um novo clube surgiu – o Clube União 1919.

Com uma longa história, o clube distinguiu-se no futebol tendo, nos seus primeiros anos, rivalizado com a Associação Académica de Coimbra. Ao longo dos anos, utilizou vários campos, sendo o mais emblemático o da Arregaça. Chegou a utilizar o Estádio Municipal de Coimbra, na época de 1972/73, aquando da sua única presença no Campeonato Nacional da 1.ª Divisão.

O União conta com uma longa história, tendo passado pelo clube muitos milhares de desportistas ao longo de todos estes anos. Entre outras distinções, destaca-se o título de “Cavaleiro da Ordem da Benemerência” atribuído em 1944, a classificação como Instituição de Utilidade Pública em 1981, a atribuição da Medalha de Ouro da Cidade de Coimbra em 1984 e várias medalhas pelos “Bons Serviços Desportivos”.

Clube de Futebol Santa Clara surgiu há 94 anos

O atual Clube de Futebol Santa Clara surgiu a 26 de janeiro de 1923. Com instalações na Urbanização Santa Isabel, em Santa Clara, conta atualmente com mais de uma centena de atletas, distribuídos por diversas modalidades. A estes juntam-se mais de sete dezenas de pessoas que usam as instalações do pavilhão, em atividades diversas, sobretudo de convívio.

Com uma história longa e recheada de feitos desportivos, como se pode ver pelos troféus que ostenta no seu pavilhão, o clube distinguiu-se em várias modalidades, tendo também uma importante componente social e sendo sempre, como sublinha o seu presidente, o Coronal Álvaro Seco, “uma porta aberta para toda a comunidade”.

O Vigor da Mocidade” nasceu há 87 anos

O Vigor da Mocidade”, coletividade de Fala, na União de Freguesias de S. Martinho do Bispo e Ribeira de Frades, é outro exemplo de longevidade. O clube fez, a 1 de fevereiro último, 87 anos e é um dos poucos clubes do concelho com equipas nos campeonatos nacionais.

De acordo com o presidente Mário Fernandes, tem atualmente “duas equipas de benjamins, duas de infantis, uma de petizes, duas de iniciados, uma de juvenis, uma de juniores e uma de seniores”.

A par com o futebol, “O Vigor” conta ainda com outras modalidades, como a patinagem, a ginástica e a natação. Neste universo envolve, como sublinha o presidente, “mais de 400 atletas”. Conta, no seu percurso, com “grandes conquistas”, onde de destacam taças e supertaças e muitos outros troféus e títulos.

Olivais FC completou 82 anos

O Olivais Futebol Clube (FC) nasceu, há 82 anos, em Santo António dos Olivais. Apresentava-se à cidade como um “típico clube de bairro de cariz popular” que, a par com o desporto, apostava também muito na vertente social e no convívio.

O clube, cuja história “O Despertar” sempre acompanhou, completou 82 anos de vida no passado dia 6 de fevereiro, sendo hoje uma referência incontornável no basquetebol nacional, quer pelos seus feitos desportivos, quer pelos cerca de 200 atletas que mantém em atividade.

Apesar de ter outras modalidades, como ginástica, karaté, campismo e caravanismo, futsal e natação, é no basquetebol que tem maior dinâmica. O Olivais FC é um dos poucos clubes que mantém todos os escalões – femininos e masculinos – em atividade, contando com mais de 200 atletas, tendo sido considerado, como realça o seu presidente, Jaime Carvalho e Silva, o “oitavo maior clube a nível nacional em termos de atletas”.

Ao longo da sua história, o clube conta com muitas conquistas e os seus muitos troféus podem ser apreciados nas instalações do clube. Entre outras distinções, foi também reconhecido como Utilidade Pública em 1990, recebeu a Medalha de Bons Serviços Desportivos em 1991, foi distinguido com a Medalha de Mérito Desportivo Dourada pela Câmara de Coimbra em 2001 e foi considerado diversas vezes, por diferentes entidades, como “Clube do Ano”.

Sporting Clube de Coimbra abriu há 72 anos

O Sporting Clube De Coimbra, filial n.º 65 do Sporting Clube de Portugal, com sede na Rua Ferreira Borges, foi fundado a 10 de janeiro de 1945, há 72 anos. No início da sua atividade desportiva participou em seis campeonatos populares de futebol, tendo ganho quatro deles e ficou em 2.º e 3.º lugares nos restantes. Posteriormente, foi convidado a fazer a sua inscrição na Associação de Futebol de Coimbra onde, durante vários anos, se dedicou às camadas jovens, participando em diversos campeonatos de juniores e e juvenis, com classificações muito meritórias. Em 2008 disputou o campeonato de futsal, na Divisão Distrital Série B, da Associação de Futsal de Coimbra. Atualmente, o clube está a reprogramar as suas atividades.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM