22 de Agosto de 2019 | Coimbra
PUBLICIDADE

Arquivo Digital guarda memórias do centro histórico de Coimbra

7 de Setembro 2018

O centro histórico de Coimbra vai passar a ter um arquivo digital que se pretende assumir como um repositório vivo do conhecimento daquela zona da cidade, como um catalisador de memórias ou como uma oportunidade de reflexão e ação sobre o presente.

Esta plataforma digital, que foi apresentada na semana passada, pretende contar histórias e “estórias” do “coração” da cidade, através de textos, fotografias, som e vídeo. Promovida pelo Jazz ao Centro Clube (JACC), Departamento de Engenharia Informática e Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra, pretende ser, como explicaram os promotores, um “repositório vivo de conhecimento”, onde qualquer pessoa possa adicionar conteúdos. Pretende ser, também, como se lê neste arquivo digital disponível temporariamente em https://arquivochc.dei.uc.pt/, uma ferramenta que fomente a “criação artística com base nos conteúdos reunidos na plataforma, bem como possibilitar a participação e o envolvimento comunitário através de contributos efetivos para a criação de dados”.

“Esta plataforma digital procurará assim constituir-se como um repositório de conhecimento sobre o centro histórico de Coimbra, por um lado e enquanto ferramenta de ativação de projetos que criam relações entre a Academia e a cidade para o desenvolvimento de iniciativas comunitárias, de pensamento critico e criativo para a cidada(nia)”, explicam ainda os responsáveis.

Os conteúdos estão organizados por temas, coleções, localização e datas, de forma a facilitar e orientar a pesquisa. Estão já disponíveis alguns conteúdos, como “Paisagens Sonoras Luís Antero”, “Ai Coimbra Que Cais”, “Dissertações sobre a Rua Larga de Coimbra, das origens à atualidade” e outros conteúdos, que dão a conhecer as ruas e os espaços, com fotografias antigas que mostram a cidade de outros tempos.

Teses de mestrado, outros projetos que trabalhem sobre a Baixa e Alta ou a utilização de arquivos de instituições como o Centro de Documentação 25 de Abril ou da Câmara Municipal de Coimbra são outras possibilidades de conteúdos que poderão ser adicionados neste arquivo digital do centro histórico de Coimbra.

O autor da plataforma é Daniel Lopes, estudante de mestrado em Design e Multimédia, que contou com a orientação de Pedro Martins e João Bicker para o seu projeto final de curso, sendo que o projeto tem também o envolvimento dos professores de sociologia Sílvia Ferreira e Paulo Peixoto.

“Esta é uma forma de preservar a memória dos objetos e dos comerciantes do centro histórico de Coimbra”, explicou Daniel Lopes, durante a apresentação, destacando também o facto de ser uma plataforma “colaborativa, ou seja, é permitido a quem visitar a página partilhar ficheiros”.

A apresentação deste arquivo digital insere-se no projeto “Dar a Ouvir – Paisagens Sonoras da Cidade”, desenvolvido pelo Serviço Educativo do JACC e pela Câmara de Coimbra.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM