25 de Junho de 2019 | Coimbra
PUBLICIDADE

Académica homenageou jogadores de 1969 e associados

5 de Abril 2019

A Académica de Coimbra homenageou, no sábado, os jogadores que participaram na Final da Taça de Portugal de 1969, assinalou os 80 anos da Final da Taça de Portugal de 1939 e entregou os emblemas de platina, ouro e prata aos associados com 75, 50 e 25 anos de filiação ininterrupta ao clube.

Com esta cerimónia, o clube celebrou dois dos marcos mais importantes na história desta instituição. “A Académica de Coimbra desempenhou, ao longo dos tempos, papéis notáveis na cidade, na academia e no país. E eu destaco o que se passou no Jamor, logo a seguir à crise de 17 de abril de 1969. (…) A mensagem da Académica teve impacto em todo o país e fortaleceu todos os que eram contra a ditadura, pois se estes jovens eram capazes de entrar no Jamor e envergar este sinal de luto académico em forma de protesto contra o regime, então era possível que todos o fizessem. E isso foi um impulso para o 25 de Abril”, afirmou Manuel Machado, presidente da Câmara de Coimbra, durante esta sessão, organizada pela Mesa da Assembleia-geral e pela Direção da Associação Académica de Coimbra – Organismo Autónomo de Futebol (AAC-OAF).

Este foi, acima de tudo, um dia de recordações, memórias e partilhas, mas também de muita emoção e convívio entre os mais de 250 associados que participaram neste evento. A união das principais instituições da cidade em torno da Académica foi, aliás, o foco de todos os discursos, nomeadamente do vice-reitor da Universidade de Coimbra, João Nuno Calvão da Silva, e do presidente da Direção-geral da Académica, Daniel Azenha. Uma mensagem elogiada pelo presidente da Mesa da Assembleia-geral da AAC-OAF, João Vasco Ribeiro, e pelo presidente da Direção da AAC-OAF, Pedro Roxo, que sublinhou que foi “um prazer imenso poder honrar a memória da Académica, reconhecer o mérito e distinguir a dedicação”.

Durante o evento foi entregue, pela primeira vez na história do clube, o emblema de platina ao sócio mais antigo, Jorge Condorcet, associado há 75 anos ininterruptos. Foram ainda entregues emblemas aos sócios com mais de 25 e 50 anos de associativismo e foi lançada uma nova música da Académica, intitulada “Eterna Briosa”.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM