19 de Abril de 2019 | Coimbra
PUBLICIDADE

LPCC sensibiliza alunos para prevenção do Papilomavírus Humano

29 de Março 2019

A campanha “HPV e Quê?” chega, esta semana, a várias escolas de Coimbra. Promovida pela Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC), esta iniciativa está a percorrer o país com o intuito de explicar aos jovens como prevenir o Papilomavírus Humano (HPV).

No total, abrange 35 escolas do terceiro ciclo e ensino secundário, tendo como embaixador o artista português de hip-hop Waze. Em Coimbra, de acordo com a LPCC, a campanha começou na segunda feira e prolonga-se até hoje, envolvendo cerca de 760 alunos das escolas secundárias D. Duarte, Quinta das Flores, Infanta D.ª Maria, Avelar Brotero e Colégio São Teotónio.

“HPV e Quê?” é o nome da iniciativa que integra um roadshow interativo que está, desde fevereiro, a percorrer 35 escolas de norte a sul do país. A campanha em curso pretende explicar o que está por detrás da sigla HPV. Com forte presença digital, visa melhorar o conhecimento dos jovens sobre as doenças e riscos associados às infeções por HPV, alertando para a importância da prevenção através da vacinação.

Nesse sentido, o roadshow “HPV e Quê?” integra uma carrinha Airstream que se desloca às escolas e se abre para o exterior, permitindo que ao seu redor decorram diversas atividades dirigidas aos alunos, como apresentação da música composta por Waze, que apela à importância da prevenção do HPV, com o propósito de ser partilhada nas redes sociais (www.youtube.com/watch?v=Yr-veOftTU8); a promoção do Quizz (Sabias Que?) em ambiente de realidade virtual, onde são transmitidas informações ao aluno e colocadas questões para avaliar o conhecimento adquirido; e distribuição de tatuagens temporárias que representam o HPV, com possibilidade de serem vistas através de uma aplicação de realidade aumentada. Em todas as ações está presente um profissional de saúde para enquadramento e esclarecimento de dúvidas para a comunidade escolar e são distribuídos folhetos com informação sobre o que é o HPV, quais os riscos, como se transmite e como se previne.

Vítor Rodrigues, presidente da direção do Núcleo Regional do Centro da LPCC refere a importância de despertar consciências, para que a palavra prevenção entre cada vez mais no léxico dos jovens. “Uma das mais-valias desta campanha é o facto de as atividades dinamizadas facilmente motivarem os adolescentes para uma conversa em casa com os pais, que poderão saber mais sobre o tema em www.hpv.pt e aconselhar-se com o seu médico assistente”, explica o Núcleo.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM