18 de Novembro de 2018 | Coimbra
PUBLICIDADE

APBC pede maior apoio da Câmara para garantir dinamismo na Baixa

2 de Novembro 2018

A Agência para a Promoção da Baixa de Coimbra (APBC) depara-se atualmente com “dificuldades terríveis” em termos de tesouraria e pede um maior apoio financeiro à Câmara Municipal de Coimbra, para que possa manter a dinâmica no centro histórico da cidade.

“O apoio financeiro que a Câmara nos disponibiliza não é suficiente para executar o nosso plano de atividades. Podíamos estar mais limitados e fazer apenas duas atividades por ano, mas a APBC tenta alargar a sua missão e tenta fazer mais atividades”, explicou o presidente da Agência, Vítor Marques, na segunda feira, depois da reunião de comerciantes que decorreu no Salão Brazil e que contou com a participação de cerca de uma dúzia de empresários.

Na altura, Vítor Marques explicou que a APBC já pediu à Câmara para que haja um reforço do apoio anual no próximo ano, esperando que a autarquia “corresponda a essa expectativa”. O valor destina-se ao desenvolvimento de “atividades diferenciadoras” que asseguram a animação e dinamismo da Baixa, como as noites temáticas, as marchas populares e outros eventos que atraem mais visitantes ao “coração” da cidade.

Neste momento, a APBC está já preparar a quadra natalícia mas, face às dificuldades existentes, para garantir a animação habitual precisa do apoio dos comerciantes, a quem vai pedir uma contribuição de 25 euros. Caso essa ajuda não se concretize, Vítor Marques admite que a animação de Natal “pode ficar em causa”.


  • Diretora: Zilda Monteiro

Todos os direitos reservados Grupo Media Centro

Rua Adriano Lucas, 216 - Fracção D - Eiras 3020-430 Coimbra

Powered by DIGITAL RM